23 de julho de 2011

Brasil apoiará ativamente o Software Livre

 O Brasil anunciou que irá contribuir ativamente para o desenvolvimento de dois dos principais softwares livres, o OpenOffice (liderado pela Fundação Apache) e o LibreOffice (representado pela Document Foundation). De acordo com o governo brasileiro, o software  livre é a chave para promover a política de “Open Data”, baseado na independência, inovação e democratização do acesso à tecnologia.
Segundo comentaram no Alt1040, “a proposta é reforçar a postura do Estado brasileiro de cooperar com a evolução das suítes de escritório, devido a sua importância dentro das instituições públicas. A adoção destas ferramentas representa um dos grandes sucessos de migração de plataformas privadas para o software livre, em todas as esferas do governo. Estima-se que mais de 1 milhão de computadores públicos operem com estas soluções, o que representa economia com os custos de licenças de software e investimento em tecnologia nacional.”
Estas mudanças vão começar a promover o abandono do código privado e a troca de arquivos em formatos livres, como estas duas suítes de escritório. A partir deste momento o governo usará o “The Open Document Format”,  formato ODF, para o armazenamento de qualquer um dos seus documentos para garantir o acesso à informação e melhorar a interoperabilidade entre as agências governamentais.
(...)
Acesso em 23 de julho de 2011.

Reações:

0 comentários:

Postar um comentário